Cartas dos Leitores

Tenho o grupo quase fechado. O camaronês Leonel começou a trabalhar em Benguela, deu bons indicativos e aceitamos a  integração no nosso grupo.

Tenho o grupo quase fechado. O camaronês Leonel começou a trabalhar em Benguela, deu bons indicativos e aceitamos a  integração no nosso grupo. Acreditamos que vai ficar connosco, se administrativamente for inscrito, porque tecnicamente nós os treinadores fizemos a nossa parte e damos o aval para inscrevê-lo.

MÁRIO SOARES , 
treinador do Desportivo da Huíla

Vamos  lutar por todos os títulos possíveis. Para mim, seria um fracasso não ganhar as competições em que estamos inseridos. Podemos ganhar ou perder, mas deixar sempre a sensação de que somos uma equipa competitiva e ganhadora. Vamos  lutar por todos os títulos possíveis.

BETO BIANCHI ,
   treinador do Petro de Luanda

Para além de terminar o contrato, eu e o clube também temos pendentes, um dos motivos fortes da ausência na equipa  durante o estágio, prendeu-se com a saúde da  minha mãe. Tudo já está resolvido, acredito que depois do regresso do vice-presidente, tudo fique definido.

YANO ,  jogador do Progresso do Sambizanga

Apresentaram-me um projecto, em que era possível incorporar jovens. Gosto de trabalhar com jovens. O futuro vem aí. Gosto de trabalhar com perspectiva no futuro, com nova filosofia de trabalho e formas de estar diferentes. Isso, motiva-me, por isso, estou aqui.

FERNADO FALLÉ ,  novo técnico da Académica de Luanda